Bianca Gutfilen

BIANCA GUTFILEN

 

Cv lattes: http://lattes.cnpq.br/4994942901309005

e-mail: bianca.gutfilen@gmail.com

 

Laboratório de Marcação de Células e Moléculas (LMCM)

Departamento de Radiologia 

Hospital Universitário Clementino Fraga Filho

Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)

 

 

Projeto 

MARCAÇÃO DE VISCUM ALBUM M COM TC-99M: ESTUDOS TRANSLACIONAIS E COMPARAÇÃO COM CU-64

 

Resumo de divulgação científica

Os extratos de Viscum álbum são usados como uma modalidade de tratamento não convencional para pacientes com câncer, no contexto de uma abordagem complementar e integrativa do tratamento oncológico. A administração é feita, na maioria das vezes, por via subcutânea sendo também utilizada a via intravenosa e intratumoral. Entretanto, não existem estudos que mostrem o comportamento do Viscum album in vivo. Este projeto objetiva desenvolver a marcação de Viscum album com Tc-99m e avaliar, através de imagens in vivo, o comportamento do 99mTc-Viscum album em tumor de mama da linhagem 4T1 em camundongos fêmeas BALB/C através das diferentes vias de administração. Também será avaliada a eficácia da terapia através da redução dos tumores e da diminuição da captação do 99mTc-Viscum album pelos mesmos. Após o desenvolvimento e comprovação da eficácia do novo radiofármaco, será solicitada aprovação do CEP para estudo piloto em pacientes com diagnóstico confirmado de tumor de mama e mamografia BIRADS 5. Serão realizados estudos comparativos com a tecnologia PET utilizando o Cu-64 que é o radionuclídeo mais revolucionário e promissor para estudos em Oncologia no mundo.

Palavras-chave

radiofármacos, câncer, mama, tecnécio-99m, Viscum-album M

 

Equipe

Priscylla da Costa Medeiros – Pós-Graduação

Sheila Grande – Pós-Graduação

 

Colaboradores

Afrânio Coelho de Oliveira – Hospital Universitário Clementino Fraga Filho (UFRJ)

Florian Stintzing – Stiftung Integrative Medizin (Foundation Integrative Medicine), Alemanha

Gianluca Valentini – Diretor Científico da ACOM, Itália

Isalira Peroba Rezende Ramos – Laboratório de Cardiologia Celular e Molecular. 

José Marcos Telles da Cunha – Faculdade de Medicina (UFRJ) - Centro Nacional de Biologia Estrutural e Bioimagem (CENABIO).

Robson de Queiroz Monteiro – Instituto de Bioquímica Médica Leopoldo de Meis (UFRJ)

Sergio Augusto Lopes de Souza –Faculdade de Medicina (UFRJ)

Thiago Barboza – Faculdade de Medicina (UFRJ)